Notícias e Artigos

6 de junho de 2018

Copa Jubileu já tem artilheiros candidatos à chuteira de ouro

 

Os confrontos da semifinalíssima acontecem nesta terça-feira (12) e podem definir quem será o artilheiro da competição

Nem bem finalizou a 4ª rodada da Copa Jubileu SIFAM 30 Anos e já esquenta a briga pela “Chuteira de Ouro”, que vai identificar o maior artilheiro da competição. De um lado o camisa 10 do time do SIFAM/GCAD, Artur Teixeira, com 11 gols, aparece tranquilo na liderança, mas já avista outro camisa 10, Bruno Sales, com nove gols, e o meia Jackson Santos, com sete, ambos do time Comdasp.

“Vamos trabalhar para fazer o melhor pela equipe, que aí os gols surgem naturalmente. O mais importante é classificar o time para a final”, disse rapidamente o artilheiro Artur Teixeira.

 

Jogador diferenciado, Artur Teixeira comanda o ataque do SIFAM/GCAD

Com um jogo a menos e já na dianteira da Copa Jubileu com nove pontos, o Comdasp é o único invicto da competição e pode chegar à semifinal com 12 pontos, abrindo cinco de diferença sobre o segundo colocado, o time do SIFAM/GCAD, que fechou a primeira fase com sete pontos ganhos. Tudo vai depender se o time confirmar a boa fase no seu próximo compromisso, que acontece nesta sexta-feira (8), no campo da Associação dos Funcionários Fiscais do Estado do Amazonas (Affeam), Zona Centro-Sul de Manaus, contra o CCGOV.

“Estamos aos poucos avançando rumo ao título, mas temos consciência de que há ainda um caminho difícil pela frente, já que alguns times têm mostrado atuações surpreendentes quando jogam com a gente”, explicou o comandante do time do Comdasp, técnico Frank Bandeira.

Comdasp, SIFAM/GCAD e CCGOV já estão garantidos na semifinal da Copa Jubileu SIFAM 30 Anos, que acontece nesta terça-feira (12). O chaveamento dos confrontos será definido somente após o jogo Prodam x Transportes, que irá definir a quarta equipe que seguirá na competição.

O jogo

SIFAM/GCAD e Comdasp protagonizaram na terça-feira (5) um confronto que definiu a liderança da Copa Jubileu. SIFAM/GCAD assustou logo no comecinho do primeiro tempo. Com pouco mais de 30 segundos de jogo, Felipe Brandão chutou cruzado, mas a bola passou à esquerda do arqueiro Wagner.

Os jogadores de ambos os times se respeitavam, marcando duro, mas sem deslealdade, apostando no jogo aéreo. Aos 10 minutos, o meia Jackson Santos do Comdasp recebeu um passe pelo alto de Bruno Sales e cabeceou rente à trave, levando perigo à meta do goleiro Luciano.

Aos 13 minutos, Rafael Picanço do SIFAM/GCAD, após receber uma cobrança rápida de lateral, toca para Felipe Brandão que triangula com Artur Teixeira, e chuta no canto esquerdo do gol adversário. SIFAM/GCAD 1, Comdasp 0.

O Comdasp passou então a sair em bloco, centralizando as jogadas e apostando nas jogadas aéreas, sem sucesso. Do outro lado, o time do SIFAM/GCAD via as tentativas de ampliar o marcador frustradas pela boa atuação do goleiro Wagner. O ataque compacto do SIFAM/GCAD se intensificou a partir do primeiro gol, mas desperdiçou várias chances claras. Até que aos 15 minutos, numa jogada iniciada pelo artilheiro da Copa Jubileu, Artur Teixeira se livrou da falta, deixando três marcadores pra trás e tocou de três dedos para Felipe Brandão e, após uma triangulação com Maicon Silva, toca novamente para o camisa 10 escorar de cabeça, pegando Wagner adiantado. SIFAM/GCAD 2, Comdasp 0.

Após o segundo gol, SIFAM/GCAD relaxou e acabou dando muitos espaços para o time adversário que passou a jogar pelas laterais e pressionar as saídas de bola. Numa dessas saídas, aos 17 minutos, o artilheiro do Comdasp, Bruno Sales, rouba a bola na meia-cancha, dribla três marcadores e dispara à queima-roupa sem chance para Luciano Lima. SIFAM/GCAD 2, Comdasp 1.

Os jogadores do SIFAM/GCAD passaram a discutir muito entre si e a reclamar das marcações dos árbitros da partida. O Comdasp então aproveitou o “apagão” momentâneo do adversário e passou a envolvê-lo em jogadas bem trabalhadas e toques rápidos, que resultaram aos 19 minutos, no gol de empate.

 

Segundo Tempo

Na volta do intervalo, o Comdasp passou a mandar no jogo. O arqueiro Wagner, auxiliado pela sua zaga, distribuía as bolas pelas laterais e não demorou muito até virar o placar. Aos oito minutos, após uma saída complicada do SIFAM/GCAD, Bruno Sales, num lance de puro talento e controle de bola, driblou três, inclusive o goleiro Luciano. SIFAM/GCAD 2, Comdasp 3.

SIFAM/GCAD teve dificuldade para encaixar o jogo, conduziu demais a bola e atrasou o ataque. Sorte do Comdasp que não bobeou e ampliou o placar aos 11 minutos, com o meia Jackson Oliveira, que saiu do seu campo e tabelou com o ponta Sivonei Sena, chutando sem marcação, inapelável para o arqueiro Luciano. SIFAM/GCAD 2, Comdasp 4.

A marcação cerrada do Comdasp e o placar adverso acabou afetando o psicológico de jogadores importantes de ambos os elencos, que agora correm o risco de ficarem pendurados. Houve seis cartões amarelos, três para cada time. De acordo com as regras da Copa Jubileu, os cartões amarelos não zeram em nenhuma fase da competição, por isso o jogador que obtiver três cartões amarelos fica suspenso automaticamente da partida seguinte.

 

Pintura

SIFAM/GCAD ainda tentou uma reação, primeiro com um gol antológico do seu camisa 10, numa pintura de craque, Artur Teixeira, que recebeu uma bola pela esquerda lançada por Ewerton Teixeira, e quase sem ângulo, despachou no canto oposto do arqueiro Wagner. SIFAM/GCAD 3, Comdasp 4.

Mais confiante, o Comdasp aproveitava os buracos da defesa adversária que precisou jogar mais aberta para tentar igualar o placar. Torres, aos 37’, e Bruno Sales, aos 39’, acabaram com as chances de vitória do SIFAM/GCAD, que ainda teve tempo para diminuir aos 39 minutos, com Ewerton Teixeira, mas já era tarde. SIFAM/GCAD 4, Comdasp, assumindo a liderança da Copa Jubileu, 6.

Comentários!

Deixe seu comentário.

Notícias e Artigos

Faça parte dessa história!

Filie-se ao sifam

BAIXE AQUI A FICHA PARA FILIAR-SE AO SIFAM

Filiado à:

Desenvolvido por:

Soma Virtual